Dia Mundial de Combate à Meningite alerta sobre como prevenir a doença

 

SAN_IMAGEM-POST_ABRIL-MENINGITE

A meningite meningocócica C costuma ser a mais frequente. A vacina para este tipo da doença está disponível no SUS para crianças com até 5 anos de idade ou mais para aquelas que apresentam situações de risco como a imunodepressão. Outras vacinas, como as que previnem a meningite tipo A, B, W e Y  podem ser encontradas na rede particular de atendimento médico.

O tipo Streptococcus Pneumoniae, Haemophilus Influenzae e Neisseria Mengitidis possui maior incidência no inverno, por isso é muito importante que as pessoas estejam vacinadas neste período. Por ser considerada uma doença grave, seu tratamento requer internação, além da administração de antibióticos e a realização regular de exames para controle.

Confira alguns dos sintomas de meningite:

- Bebês e crianças pequenas podem ter dificuldades para mamar, apatia, irritabilidade, choro incontrolável e rigidez do corpo.

- Adultos podem sentir rigidez na nuca, vômito e febre.

Cuidados preventivos além da vacina podem ser:

- Evite locais fechados e aglomeração de pessoas.

- Higienize bem as mãos.

- Mantenha uma boa alimentação, rica em legumes, frutas, verduras, carnes e cereais.